Quarta, 12 de dezembro de 2018
69 9 9285-1040
Direito e Justiça

23/03/2017 ás 16h29

AlvoNotícias

Alvorada do Oeste / RO

Corintiano desmaia ao ouvir que pegou 16 anos de cadeia por morte de palmeirense; veja vídeo
Ao todo três corintianos foram condenados por agredir e matar Gilberto Torres com um galho de árvore em 19 de agosto de 2014, após briga entre torcidas rivais.
Corintiano desmaia ao ouvir que pegou 16 anos de cadeia por morte de palmeirense; veja vídeo








 


 


 







Três torcedores do Corinthians são condenados por morte de palmeirense em 2014





 


Um dos corintianos condenados pela morte do torcedor palmeirense Gilberto Torres Pereira, em 19 de agosto de 2014, durante uma briga em uma estação da Companhia Paulista de Trens Metropolitanos (CPTM) desmaiou ao ouvir a sentença de condenação proferida na manhã desta quinta-feira (23).




Leonardo Gomes dos Santos foi condenado a 16 anos e caiu no chão ao ouvir sua sentença (veja no vídeo acima). Também foram condenados Raimundo César Faustino, conhecido como Capá, a 21 anos de prisão, e Gentil Chaves Siani, a 18 anos.




Os três foram condenados por homicídio qualificado, motivo fútil e pelo estatuto do torcedor. Os advogados dos réus entraram com recursos alegando que consideraram as penas muito altas e que não haveria provas suficientes para a condenação.






Corintiano Leonardo Gomes dos Santos desmaia ou ouvir sentença de condenação por morte de torcedor palmeirense (Foto: TV Globo/Reprodução)Corintiano Leonardo Gomes dos Santos desmaia ou ouvir sentença de condenação por morte de torcedor palmeirense (Foto: TV Globo/Reprodução)



Corintiano Leonardo Gomes dos Santos desmaia ou ouvir sentença de condenação por morte de torcedor palmeirense (Foto: TV Globo/Reprodução)






Capá era vereador pelo PT na época e integrante da Gaviões da Fiel. Ele foi preso e levado para o Presídio de Franco da Rocha. Em 2013, o acusado foi flagrado em uma briga na partida entre Corinthians e Vasco, no Estádio Mané Garrincha, em Brasília (DF).




A sentença foi lida na manhã desta quinta, pelo Juiz Rafael Carvalho de Sá Roriz no Fórum de Franco da Rocha, na Grande São Paulo. O julgamento começou por volta das 10h30 desta quarta-feira (21) e se estendeu pela madrugada. O júri foi composto por sete pessoas e ouviu 13 testemunhas da acusação e da defesa, além dos réus, que estavam presos desde 2014.



 






 


 







Júri popular condena três torcedores do Corinthians por matar palmeirense em 2014




FONTE: g1

O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos o direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas. A qualquer tempo, poderemos cancelar o sistema de comentários sem necessidade de nenhum aviso prévio aos usuários e/ou a terceiros.
Comentários
Veja também
© Copyright 2018 :: Todos os direitos reservados
Site desenvolvido pela Lenium