Sábado, 23 de fevereiro de 2019
69 9 9285-1040
Brasil

24/01/2019 ás 18h32

AlvoNotícias

Alvorada do Oeste / RO

Vice-presidente Mourão rejeita privatização dos Correios
'por enquanto'.
Vice-presidente Mourão rejeita privatização dos Correios

Os Correios costumam ser um alvo fácil de críticas do público especialmente pela demora nas entregas das compras internacionais, além de múltiplos anos acumulando prejuízos. Diante disso, o clamor pela privatização da estatal tem sido forte, mas pelo menos a princípio, o novo governo não pretende colocar o tema em pauta.


A declaração veio de Hamilton Mourão, presidente em exercício com a viagem de Jair Bolsonaro a Davos. Ele foi questionado sobre o tema quando chegava ao Palácio do Planalto e afirmou não ser a favor da privatização dos Correios “por enquanto”.


A estatal tem papel chave nas entregas de compras online em marketplaces e importações de eletrônicos. Nos últimos anos, os Correios sofreram com prejuízos bilionários, até finalmente registrar lucro líquido de R$ 163 milhões em agosto deste ano. Mesmo assim, há quem acredite que a empresa deva ser privatizada.


A declaração de Mourão vem na esteira do que havia falado o astronauta brasileiro Marcos Pontes, que assumiu o posto de ministro da Ciência e Tecnologia. Durante o período de transição, ele já havia dito que a privatização da empresa "não está na pauta" da equipe de governo "por enquanto". O ministro não quis dar mais detalhes sobre o assunto na ocasião.


Vale notar, no entanto, que não seria surpresa se o tema viesse a ser tratado mais para frente pelo Governo Federal. Paulo Guedes, ministro da Economia, defende com firmeza a venda de estatais como plano de governo, então o tema pode vir a entrar na pauta mais para frente do mandato.

FONTE: olhardigital

O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos o direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas. A qualquer tempo, poderemos cancelar o sistema de comentários sem necessidade de nenhum aviso prévio aos usuários e/ou a terceiros.
Comentários
Veja também
© Copyright 2019 :: Todos os direitos reservados
Site desenvolvido pela Lenium