Terça, 18 de setembro de 2018
69 9 9285-1040
Polícia

19/12/2017 ás 01h56

AlvoNotícias

Alvorada do Oeste / RO

Alvorada do Oeste e Jaru passam a contar com Unidade Integrada de Segurança Pública (Unisp)
Unidade reúne no mesmo espaço físico Delegacia de Polícia, Corpo de Bombeiros, Polícia Militar e Perícia Técnica.
Alvorada do Oeste e Jaru passam a contar com Unidade Integrada de Segurança Pública (Unisp)

Os municípios de Jaru e Alvorada do Oeste passam a contar com Unidade Integrada de Segurança Pública (Unisp), proposta que reúne no mesmo espaço físico delegacia de polícia, Corpo de Bombeiros, Polícia Militar e Perícia Técnica. Elas foram oficialmente entregues à população na tarde de sexta-feira (15) e manhã de sábado (16), respectivamente, pelo governador Confúcio Moura.
“Todas as forças de segurança estão aqui representadas, com o delegado regional fazendo o gerenciamento do ambiente. As Unisps são obras importantes, elas estão substituindo delegacias antigas, precárias, e estamos integrando as ações de segurança pública em lugar bom e centralizado, digno para os servidores e sociedade”, disse em Jaru o secretário de Segurança, Defesa e Cidadania (Sesdec), coronel Lioberto Caetano.
Com a entrada em funcionamento das duas unidades, chegam a 15 o total de Unisps entregues, faltando apenas inaugurar Buritis e Nova Mamoré, também de pequeno porte. Foram investidos na Unisp de Jaru R$ 1.797.000,00, o que inclui novo mobiliário, e na de Alvorada do Oeste R$ 1.800.000,00.
Os prédios contam com banheiros para o público, acessibilidade, sala de audiência, sala de reconhecimento, atendimento, cartório, sala de investigadores, para delegados, equipe de vistoria dos bombeiros e perícia técnica entre outras instalações.
O governador Confúcio Moura disse que para se obter redução nos indicadores de violência a tarefa é de todos, conclamando o Tribunal de Justiça, Câmara de Vereadores, prefeitura, o Ministério Público, o comércio, os servidores da segurança pública a atuarem em parceria com o estado para diminuir a violência e o crime.
O programa Rondônia mais Segura propõe, no componente articulação institucional, o projeto Municípios mais Pacíficos. Jaru, Alvorada do Oeste e Ouro Preto do Oeste, visitados pelo governador, estão entre os 22 municípios considerados mais violentos em Rondônia conforme dados da Sesdec, os quais estão merecendo maior atenção da equipe que atua no programa.
“Vocês, juntos, como agora, podem se debruçar sobre os indicadores dos últimos anos de violência em Jaru e discutir como fazer para diminuir no ano de 2018 o número de furto de automóveis, furtos de rua, assassinatos, arrombamentos de casas, recapturarão de presos foragidos. Não dá para entrar no prédio bonitão, sentar na cadeira nova e as coisas começarem do mesmo jeito”, disse o governador Confúcio Moura dirigindo-se aos funcionários públicos da área de segurança presentes ao ato de entrega da Unisp.
O juiz Luiz Marcelo fez agradecimento ao investimento sob três aspectos. Acredita que o alinhamento das ações com as forças integradas será melhor; os avanços na vara judiciária serão sentidos e  a sociedade e os servidores merecem o mínimo de conforto.  Por falta de condições na estrutura da antiga delegacia, muitas e muitas vezes os policiais fazem sacrifícios pessoais para o desempenho de suas atividades, lembrou o juiz.


Em Alvorada do Oeste, o governador também fez apelo para que entidades da sociedade e instituições se envolvam em ações de combate à criminalidade. O governador registrou que 70% dos crimes hoje no estado são provenientes do uso de drogas.
“Se reduzirmos o álcool e as drogas reduziremos a violência. Alvorada do Oeste é uma cidade pacífica. Mais é certo que os arrombamentos em casas, os furtos, assustam. Rondônia Mais Segura é um programa muito bem escrito, grandioso, feito por delegados, pessoal dos bombeiros e policiais militares. Vamos desenvolver juntos o programa”, disse Confúcio Moura.
A regressão dos indicadores de violência, alertou o governador Confúcio, é o negócio da segurança pública. “Prédio a gente faz, computador compra, coloca a internet, melhora as condições, mas a análise de dados é com vocês, com cada um dos senhores”, concluiu o governador, realçando mais uma vez a necessidade da mudança de mentalidade e de atitude ocorrer localmente, em cada cidade.
As Unisps integram um grupo de projetos financiados pelo Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) no âmbito do Programa   Integrado de Desenvolvimento e Inclusão Socioeconômica (Pidise), coordenado pela Secretária de Planejamento, Orçamento e Gestão (Sepog).
Ainda em Jaru, o governador Confúcio Moura visitou o ginásio poliesportivo Sebastião Mesquita, cuja reforma foi iniciada. É um compromisso assegurado no orçamento do estado mediante emenda superior a R$ 600 mil apresentada pelo deputado Lazinho da Fetagro. Toda a cobertura do ginásio será trocada, e a previsão é de que a reforma seja concluída em cinco meses.

FONTE: Secom – Governo de Rondônia

O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos o direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas. A qualquer tempo, poderemos cancelar o sistema de comentários sem necessidade de nenhum aviso prévio aos usuários e/ou a terceiros.
Comentários
Veja também
© Copyright 2018 :: Todos os direitos reservados
Site desenvolvido pela Lenium